Vacinação para meninas contra HPV começa na próxima segunda-feira

A Secretaria da Saúde de Sorocaba (SES), por meio da Área de Vigilância em Saúde, está finalizando os preparativos para a campanha de vacinação contra o Papiloma Vírus Humano (HPV), que será realizada a partir da próxima segunda-feira, dia 10 de março. O vírus HPV é uma das causas de ocorrência do câncer do colo do útero.

 

O principal objetivo da ação, cujo público-alvo neste ano serão as meninas com idades entre 11 e 13 anos, é justamente a prevenção do câncer de colo de útero, terceira maior taxa de incidência entre os cânceres que atingem as mulheres, atrás apenas do de mama e de cólon e reto.

 

De acordo com a diretora da Área de Vigilância em Saúde da SES, Daniela Valentim dos Santos, a programação da vacinação em Sorocaba está sendo feita em conjunto com as escolas municipais, estaduais e particulares da cidade, que tenham alunas com 11 a 13 anos. "Equipes da Vigilância Epidemiológica (VE) percorrerão as escolas e farão a vacinação das alunas nesta faixa etária", explica Daniela, que destaca a importância desta ação nas escolas. "Como o Ministério da Saúde ressaltou, a experiência mundial mostra que, quando a vacinação é realizada em ambiente escolar, são alcançadas as maiores coberturas", completa.

 

O agendamento com as escolas da cidade está sendo realizado há algumas semanas. As escolas que tiverem alguma dúvida ou precisarem de mais informações poderão enviar um e-mail para epidemiologica@sorocaba.sp.gov.br.

 

Nas UBSs

Inicialmente, a campanha nacional ocorrerá entre os dias 10 de março e 10 de abril. Além da vacinação nas escolas, a diretora da Vigilância em Saúde informa que a vacina estará disponível, no mesmo período da campanha, nas 31 Unidades Básicas de Saúde (UBS) da cidade, durante o horário normal de funcionamento de cada uma delas.

 

A vacina que será oferecida pelo Sistema Único de Saúde (SUS) tem eficácia de 98,8% contra o câncer de colo do útero. Para garantir proteção completa, a imunização ocorrerá de forma estendida, em três doses. A segunda aplicação deve ser feita 6 meses depois da primeira e a terceira, cinco anos depois.

 

A meta é imunizar pelo menos 80% da população feminina nesta faixa etária em Sorocaba, o que corresponde a 11.548 adolescentes na cidade.

 

Fonte: Agência Sorocaba de Notícias

Please reload

Please reload

+ NOTÍCIAS

Criança que passa pouco tempo ao ar livre tem mais chance de desenvolver miopia

1/10
Please reload

Siga
  • Grey Facebook Icon
  • Grey YouTube Icon
  • Grey Instagram Icon
  • Grey Twitter Icon
  • Grey Pinterest Icon
RSS Feed

Fale conosco

Whats: 15 99129-4846 | 11 3368-7702

Email: redacao@namochila.com

A revista das escolas particulares de Sorocaba e região
A revista das escolas particulares de Sorocaba e região

Certificado

SELO SOCIAL 2014 / 2015