Sorriso bonito sempre

 

Especialistas da APCD – Associação Paulista de Cirurgiões-Dentistas dão dicas

para ter uma boca saudável da primeira infância até a fase adulta

 

Na opinião da odontopediatra Sandra Kalil Bussadori, é importante que a mulher cuide dos dentes em todas as fases da vida, optando por tratamentos preventivos antes mesmo de engravidar.

 

Quanto aos recém-nascidos, a especialista afirma que há estudos que indicam que crianças que mamam no peito por pelo menos seis meses apresentam menos problemas relacionados ao alinhamento e apinhamento dos dentes. Isto porque a amamentação exige do bebê uma sofisticada coordenação de músculos e movimentos de mandíbula e língua. “O uso de mamadeira e garrafinhas é totalmente diferente, já que o líquido passa com muita facilidade pelos respectivos orifícios, não exigindo movimentos tão importantes por parte da criança. Ou seja, o bebê tem de trabalhar mais se quiser mamar no peito, tanto que em algumas situações se mostram cansados. Entretanto, tudo isso representa um ganho muito grande ao longo de seu crescimento.”

 

Para o especialista em dentística Carlos Eduardo Francci, a primeira visita ao cirurgião-dentista deve acontecer assim que começarem a nascer os primeiros dentes. Depois disso, a regularidade ideal para checar a saúde oral é a cada seis meses. “Já na primeira consulta os pais serão instruídos a fazer a higiene oral diária em seus bebês. Afinal, um sorriso bem cuidado desde cedo contribui para a pessoa prevenir problemas mais sérios no futuro. A criança acaba se acostumando com os cuidados regulares e passa a assumir, ela mesma, com o tempo, bons hábitos de higiene bucal. Como resultado, o índice de cáries será abaixo da média (ou até zero), assim como a ocorrência de problemas mais graves resultantes da escovação inapropriada e da formação de placas.”

 

Mulheres adultas são as principais vítimas do bruxismo, que é o ranger e apertar dos dentes durante o sono. De acordo com a cirurgiã-dentista Katia Regina Izola, o problema pode ser diagnosticado também em crianças e adolescentes, preocupando bastante – já que às vezes rangem tanto os dentes que chegam a comprometer a dentina. Em determinadas situações, o dano é irreparável e a pessoa desenvolve alta sensibilidade para alimentos e bebidas quentes ou frias. Mas são as mulheres adultas, que geralmente têm jornadas duplas ou até mesmo triplas, que mais sofrem com o problema.  Dor no maxilar, dor generalizada na face, dor de cabeça, dor de ouvido, perturbações no sono, tensão e rigidez nos ombros são sintomas comuns de quem sofre de bruxismo.

 

 

Fonte: APCD – Associação Paulista de Cirurgiões-Dentistas

Please reload

Please reload

+ NOTÍCIAS

Criança que passa pouco tempo ao ar livre tem mais chance de desenvolver miopia

1/10
Please reload

Siga
  • Grey Facebook Icon
  • Grey YouTube Icon
  • Grey Instagram Icon
  • Grey Twitter Icon
  • Grey Pinterest Icon
RSS Feed

Fale conosco

Whats: 15 99129-4846 | 11 3368-7702

Email: redacao@namochila.com

A revista das escolas particulares de Sorocaba e região
A revista das escolas particulares de Sorocaba e região

Certificado

SELO SOCIAL 2014 / 2015