HáMais: o ensino é coletivo, a aprendizagem individual

 

Durante os anos nos quais lecionou em escolas públicas e privadas, a professora Carolina Moreira Boddy sentiu vontade de ajudar os alunos que não tinham um bom rendimento e, assim, acabavam desestimulados. Daí nasceu a HáMais, uma empresa especializada em educação complementar que objetiva potencializar a aprendizagem de estudantes de diversas faixas etárias, desde o Ensino Fundamental até graduação e quem pretende prestar concurso. Parte da concepção de que cada aluno aprende ao seu tempo e a sua maneira.

 

Antes de iniciar os trabalhos, alunos e pais passam por entrevista e uma avaliação

pedagógica gratuitas, para que seja possível a identificação dos pontos mais frágeis do estudante. “Nosso maior diferencial é o trabalho personalizado, que se ajusta a necessidade da família. A HáMais não oferece horários, nem pacotes fechados: cada aluno possui um atendimento próprio”, sentencia Carolina, que explica ainda que a base para as aulas – que podem ser realizadas individualmente, na sede ou em domicílio – é o material didático da escola regular, além de jogos e vídeos, como estímulos extras. O ensino se torna prazeroso por haver uma dedicação exclusiva.

 

Entre os serviços oferecidos, estão aulas emergenciais (muito procuradas em véspera

de provas), pacote personalizado (aulas fixas semanais de acordo com a necessidade), oficinas de matemática, inglês, psicopedagogia e fonoaudiologia. “A família é parte essencial, portanto, recebem um relatório por e-mail ao final de casa aula". O importante é que os pais não desistam de seus filhos. Na maioria dos casos de alunos aqui na HáMais basta apenas um pequeno ajuste de regras e de compreensão de conteúdos básicos para os alunos decolarem”, incentiva.

 

 

Foi o que fez a médica Juliana Rodrigues Assis, que matriculou seu filho Rafael na HáMais para que ele pudesse superar suas dificuldades com o Português. “A boa impressão veio já na entrevista inicial, quando foram feitos questionamentos amplos, desde a qualidade de sono dele, a rotina familiar até o desempenho escolar. A possibilidade de reforço em qualquer matéria, em casa, foi muito importante para mim. As aulas de português são divertidas e vão além da matéria, prendem a atenção. De maneira leve, a professora ensina. E ele aprende”.

 

 

Tags:

Please reload

Please reload

+ NOTÍCIAS

Criança que passa pouco tempo ao ar livre tem mais chance de desenvolver miopia

1/10
Please reload

Siga
  • Grey Facebook Icon
  • Grey YouTube Icon
  • Grey Instagram Icon
  • Grey Twitter Icon
  • Grey Pinterest Icon
RSS Feed

Fale conosco

Whats: 15 99129-4846 | 11 3368-7702

Email: redacao@namochila.com

A revista das escolas particulares de Sorocaba e região
A revista das escolas particulares de Sorocaba e região

Certificado

SELO SOCIAL 2014 / 2015