Como deve ser a alimentação das crianças antes de dormir

 

As crianças estão em constante fase de crescimento e desenvolvimento. Então, a alimentação para elas é ainda  mais  importante  do  que para os adultos. Mas como ter uma alimentação noturna saudável?

 

Para a nutricionista Carla Caratin tudo começa pelo exemplo que os pais querem passar aos filhos. “Analisar o que as crianças comem nessa fase será fundamental para a construção dos hábitos alimentares no futuro”, conta a especialista.

 

O  cuidado  com  os intervalos de tempo entre as refeições também é de extrema importância quando se pensa no crescimento dos pequenos. Eles influenciam diretamente em como será a alimentação no período da noite.

 

“É importante que as crianças se alimentem em intervalos curtos de tempo, inclusive no período da noite. Assim como nós adultos, as crianças também não devem ter uma alimentação muito excessiva antes de dormir”, conta Carla.

 

Um dos erros mais comuns praticados pelos pais e abordados pela nutricionista é o de substituir a refeição noturna por lanches com alimentos muito condimentados e gordurosos, como frituras e pizzas.

 

Por isso, ela faz um alerta aos pais: “A correria do dia a dia, muitas vezes, impede um cuidado maior com a alimentação da família à noite. O ideal é realizar uma refeição mais leve e completa em vitaminas e minerais para que a digestão  seja  tranquila  e  não  atrapalhe a noite de sono das crianças”.

 

Para que isso ocorra de forma sustentável, a especialista sugere que a alimentação dos pequenos seja mais fracionada, entre 2 horas e meia 3 horas de intervalo. Dessa forma, a criança dificilmente terá uma fome muito intensa e ainda manterá o equilíbrio nas refeições.

 

A rotina  também  deve  ser  levada  em  consideração  para  a  criação de hábitos saudáveis. “O mais importante é que esse momento faça sentido e seja parte do hábito da família, não apenas um dia na semana. E claro, que os alimentos ingeridos tenham os nutrientes necessários para o bom desenvolvimento das crianças”, finaliza a nutricionista.

 

Fonte: Carla Caratin, nutricionista da Cycle International School.

 

Este conteúdo é compartilhado pelo Programa Escolas do Bem, do Instituto Noa.

Please reload

Please reload

+ NOTÍCIAS

Criança que passa pouco tempo ao ar livre tem mais chance de desenvolver miopia

1/10
Please reload

Siga
  • Grey Facebook Icon
  • Grey YouTube Icon
  • Grey Instagram Icon
  • Grey Twitter Icon
  • Grey Pinterest Icon
RSS Feed

Fale conosco

Whats: 15 99129-4846 | 11 3368-7702

Email: redacao@namochila.com

A revista das escolas particulares de Sorocaba e região
A revista das escolas particulares de Sorocaba e região

Certificado

SELO SOCIAL 2014 / 2015