Como deve ser a alimentação das crianças antes de dormir


Alimentação noturna infantil.


As crianças estão em constante fase de crescimento e desenvolvimento. Então, a alimentação para elas é ainda mais importante do que para os adultos. Mas como ter uma alimentação noturna saudável?


Para a nutricionista Carla Caratin tudo começa pelo exemplo que os pais querem passar aos filhos. “Analisar o que as crianças comem nessa fase será fundamental para a construção dos hábitos alimentares no futuro”, conta a especialista.


O cuidado com os intervalos de tempo entre as refeições também é de extrema importância quando se pensa no crescimento dos pequenos. Eles influenciam diretamente em como será a alimentação no período da noite.


“É importante que as crianças se alimentem em intervalos curtos de tempo, inclusive no período da noite. Assim como nós adultos, as crianças também não devem ter uma alimentação muito excessiva antes de dormir”, conta Carla.

Escolas do bem.

Um dos erros mais comuns praticados pelos pais e abordados pela nutricionista é o de substituir a refeição noturna por lanches com alimentos muito condimentados e gordurosos, como frituras e pizzas.


Por isso, ela faz um alerta aos pais: “A correria do dia a dia, muitas vezes, impede um cuidado maior com a alimentação da família à noite. O ideal é realizar uma refeição mais leve e completa em vitaminas e minerais para que a digestão seja tranquila e não atrapalhe a noite de sono das crianças”.


Para que isso ocorra de forma sustentável, a especialista sugere que a alimentação dos pequenos seja mais fracionada, entre 2 horas e meia 3 horas de intervalo. Dessa forma, a criança dificilmente terá uma fome muito intensa e ainda manterá o equilíbrio nas refeições.


A rotina também deve ser leva